seja bem-vindo ao nosso site!

sábado, 14 de novembro de 2015

Novo video mostra o Estado islâmico decapitando refém americano e 18 soldados sírios

O grupo ultrarradical Estado Islâmico (EI) reivindicou em um vídeo postado na internet neste domingo a execução por decapitação do refém americano Peter Kassig e de ao menos 18 soldados sírios. O vídeo de quinze minutos, que ainda não teve a sua autenticidade confirmada, foi veiculado pelo órgão midiático dos grupos jihadistas Al-Furqan. Ele começa com a história do nascimento do EI no Iraque, após se desligar da rede Al-Qaeda, e evoca seu envolvimento na guerra da Síria antes de mostrar a decapitação em massa de “soldados de Bashar” e a do refém americano, sequestrado na Síria em 2013. Nas imagens, um homem mascarado aparece em pé ao lado de uma cabeça decepada, alegando ter decapitado Peter Kassig.

“Este é Peter Edward Kassig, um cidadão americano de seu país (…)”, afirma o homem mascarado de sotaque britânico, que associa este assassinato ao envio de conselheiros americanos para ajudar as tropas iraquianas em sua guerra contra o EI. Não é possível saber, neste momento, se trata-se do “Jihadi John”, o suposto assassino dos jornalistas americanos James Foley e Steven Sotloff. O primeiro-ministro britânico, David Cameron, se disse “horrorizado” pelo “assassinato a sangue-frio” da vítima. “Estou horrorizado pelo assassinato a sangue-frio de Abdul-Rahman Kassig (nome adotado após sua conversão ao Islã). O ISIL (EI) mostra mais uma vez toda a sua perversidade. Meus pensamento vão à sua família”, escreveu Cameron em seu Twitter. A França, por sua vez, denunciou um novo ato de “barbárie”. Em um comunicado, o primeiro-ministro Manuel Valls “condena com toda firmeza este novo ato bárbaro, que reforça a determinação da França de agir contra o Daesh (EI) no Iraque e na Síria. Aos 26 anos, Peter Kassig, um ex-soldado no Iraque, havia se convertido ao islamismo e fundado uma organização humanitária em 2012, “Special Emergency Response and Assistance” (Sera), após deixar o exército americano. Ele apareceu no vídeo lançado em 3 de outubro da decapitação de um outro refém do EI, o britânico Alan Henning, em que os jihadistas ameaçam matá-lo em retaliação aos ataques aéreos americanos na Síria e no Iraque. Peter Kassig é o terceiro refém americano cuja decapitação foi reivindicada pelo EI após James Foley e Steven Sotloff. Dois outros britânicos, Alan Henning, um voluntário humanitário, e David Haines, trabalhador humanitário, sofreram o mesmo destino


11 comentários:

so de ver esse video ja me deu nojo da cara desses terroristas bando de covardes filhas da puta

Estados unidos,china,uniao soviética tem que se unir e lançar bomba de hidrogênio nesse lugar,amaldiçoado,desgraçado,varre esses merdas,corjas,demônios sem alma,bichos,dizimar eles e seus decente da terra com a bomba h,lancar na cidade deles,onde há terroristas

Estados unidos,china,uniao soviética tem que se unir e lançar bomba de hidrogênio nesse lugar,amaldiçoado,desgraçado,varre esses merdas,corjas,demônios sem alma,bichos,dizimar eles e seus decente da terra com a bomba h,lancar na cidade deles,onde há terroristas

Sou a favor também de jogar uma bomba nuclear ou a de hidrogênio. Não faz sentido deixar aumentar o número de vítimas dos terroristas. Já é genocídio o que acontece lá. Está muito errado. Acho que países com bom atômica deveriam se unir e planejar juntos como por fim no terrorismo do EI. Esse Estado Islâmico é um inimigo da vida e não só de um ou outro país. Jogar uma bomba nuclear em lugares estratégicos seria como dar a autorização de acertar o alvo para um sniper.

Meu deus
To sem palavras
Completamente horrorizada

Meu deus
To sem palavras
Completamente horrorizada

Meu deus
To sem palavras
Completamente horrorizada

Cambada de hipocritas. E aqui no Brasil que tem estupros. Mortes . Assaltos e ninguém fala porra nenhuma. Olham pro rabo de vcs antes de falarem merda. Aqui no Brasil que só tem bandidos. Assaltos. Estupros e ninguém fala nada. Terrorismo é o que o EUA fazem com o povo árabe. Tanta gente falando merda e nem sabe de nada. Nem sabe mesmo do seu próprio país o que acontece no dia a dia. Chabb kefer. Eire bi rabkun

Cambada de hipocritas. E aqui no Brasil que tem estupros. Mortes . Assaltos e ninguém fala porra nenhuma. Olham pro rabo de vcs antes de falarem merda. Aqui no Brasil que só tem bandidos. Assaltos. Estupros e ninguém fala nada. Terrorismo é o que o EUA fazem com o povo árabe. Tanta gente falando merda e nem sabe de nada. Nem sabe mesmo do seu próprio país o que acontece no dia a dia. Chabb kefer. Eire bi rabkun

apos é os islamico mata os refém americano .. porquer os americano tambem mata os islamico ... é querra é assim. seus babacas burros

Postar um comentário

 
A maioria do conteúdo deste site foi retirado da Internet, por isso, não nos responsabilizamos e nem temos direitos autorais sobre as imagens e textos. Caso algum conteúdo seja de sua autoria, favor nos contatar, para que possamos remover ou colocar os devidos direitos autorais.Copyright© 2013-2017